Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Montijo :: PS e PSD

análise de Rodrigo Saraiva, em 02.09.13

Montijo, como boa terra do distrito de Setúbal sempre votou à esquerda, alternando as suas escolhas entre PS e PCP (ora como APU, ora como CDU). Em 1997, ainda antes da inauguração da Ponte Vasco da Gama, o PS vence com Maria Amélia Antunes que presidente à autarquia até hoje, sempre em maioria, mas que não sairá totalmente do palco autárquico montijense, pois será cabeça de lista à Assembleia Municipal, passando testemunho ao seu vereador Nuno Canta que assume assim a candidatura à Câmara.

Desde 1997, com a CDU ainda a ficar em segundo lugar, os resultados têm estado em mutação. Em 2005 o PSD assume o segundo lugar e repete-o em 2009, ano em que vai coligado com o CDS. Estes resultados não estarão certamente dissociados da evolução que o Montijo teve, com muitas pessoas a escolherem este concelho para residir devido às acessibilidades a Lisboa. Muitos só nestas eleições votarão pela primeira vez no Montijo.

É com este cenário, novos eleitores e com a actual presidente de saída, que os partidos jogam as suas cartas. PS, PSD, CDU, CDS, BE e PCTP/MRPP apresentam candidaturas. O PSD depois de duas eleições com a mesma candidata faz uma nova aposta, igualmente no feminino, apresentando Maria Mercês Borges, actual deputada e ex Governadora Civil de Setúbal.

Mas indo aos cartazes, comecemos pelo front runner, o PS.

O PS só não apresenta um bom cartaz pela errada opção de lettering no slogan, mau gosto (ok, sei que é discutível) na roupa do candidato e fraca referência à terra. Montijo apenas surge no endereço do site, que é o do partido. Assim fica-se por um cartaz que não compromete. E é pena, pois a foto está bem conseguida, quer na qualidade, na postura e colocação no cartaz. O verde escolhido para todo o fundo resulta muito bem e é o que dá força ao cartaz. O slogan é um trivial “Esperança no Futuro” que joga bem com o verde. É pena, a foto e o verde, tinha tudo para dar um excelente cartaz. O Nuno até Canta, mas não me encanta.

O PSD apresenta um cartaz bem conseguido, alegre e vivo, tudo pela original opção de fundo com formas geométricas e diversas cores, sendo que a introdução do azul remete mais para o Brasil do que para o verde e amarelo da bandeira do Montijo. O slogan embora também trivial puxa pela terra, “Juntos pelo Montijo!”, e a opção do lettering e do círculo onde surge o slogan são inteligentes.

Se me explicassem o que se pretendia fazer em ambos cartazes, diria que o do PS tinha tudo para resultar bem e o do PSD tudo para dar errado. O resultado foi aquele cuja visão partilhei.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:25


já andam a falar aqui

De Hugo Serejo a 02.09.2013 às 10:20

Discordo pela horrível discromia de fundo da candidatura do PSD, para mim são ambos maus.

Comentar post



Imagens de campanha

Compilação e análise de imagens das Campanhas Portuguesas (e não só). Cartazes, folhetos e materiais digitais (e outros). O melhor e o pior. Os verdadeiros e não só.

e em 2009 foi assim


Envio de contributos

imagensdecampanha@sapo.pt






Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Visitas