Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Bloco

análise de Rodrigo Saraiva, em 23.08.13

O Bloco de Esquerda é mais um dos partidos que como sabe que não irá liderar autarquias, com a excepção de situações como a de Salvaterra de Magos, irá sustentar o discurso que estas eleições, independentemente do Concelho e da Freguesia, devem servir para penalizar o governo e que um voto, mesmo que na freguesia mais recôndita, irá resolver a crise e todos os males do universo. Por isso, toca lá de fazer um cartaz geral e toca de o colocar pelas ruas.

O cartaz segue uma opção habitual do Bloco de colocar os elementos com algum desgoverno (não resisti à graçola), com palavras e barras em diagonal, mas que graficamente resultam bem. Como o cartaz tem poucos elementos, os elementos não se canibalizam e permite ter letras em grande tamanho o que dá muita força à mensagem. O lettering foge ao habitual do que se vê em comunicação política e mais uma vez resulta bem. O sinal de sentido obrigatório faz a ligação óbvia com o slogan e reforça-o, sendo um pormenor bem conseguido. O símbolo do Bloco continua a fazer furor e lá está em destaque. E como as autárquicas são, para o Bloco, o que menos importa, ali no cantinho inferior direito (façam zoom) lá está um símbolo a identificar as autárquicas.

Um bom cartaz e que cumpre muito bem a função de um 8x3 colocado num local de muito movimento de automóveis.

Vá, não resisto a mais um apontamento. Com a inclinação que escolheram para o cartaz, se virar à esquerda quer dizer que vou descer e cair?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:25


já andam a falar aqui

De Augusto a 26.08.2013 às 15:44

Como deve ser do seu conhecimento, ESPERO, as campanhas não se fazem só de cartazes, o cartaz é um meio de propaganda cada vez mais ultrapassado, e ninguém espere conseguir votos, por causa desse tipo de propaganda.

Cada partido e candidato têm as suas opções , há candidatos que escondem os partidos porque se candidatam , ingenuamente diga-se pois no boletim de voto os símbolos lá estão preto no branco.

Há outros que que em vez de personalizar a campanha por cada vila e aldeia, utilizam cartazes com palavras de ordem de âmbito mais nacional caso dos cartazes da CDU e do BE.

Ultimamente até há candidatos que se acham vedetas de cinema e utilizam o Photoshop.

Mas enfim....conclusão a eficácia da mensagem é que é o importante, e sobretudo cartazes que dêem boa leitura, e não os chamados A4 frente e verso....

Comentar post



Imagens de campanha

Compilação e análise de imagens das Campanhas Portuguesas (e não só). Cartazes, folhetos e materiais digitais (e outros). O melhor e o pior. Os verdadeiros e não só.

e em 2009 foi assim


Envio de contributos

imagensdecampanha@sapo.pt






Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Visitas