Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Anadia(?) :: PS

análise de Telmo Carrapa, em 25.07.13

E a terra, senhor? A terra…

Em 2009 o PSD venceu as eleições em Anadia com 57% dos votos. Mas o actual Presidente da Câmara atingiu o limite de mandatos e, contra a vontade do partido, lançou uma lista independente para Câmara e Assembleia Municipal, onde afirmou que estará presente. O PSD apresenta-se, assim, dividido na tentativa de liderar o município.

Aqui está uma oportunidade para o PS que apresenta Lino Pintado, líder da concelhia do partido e vereador. Até aqui tudo normal.

Mas agora, depois do Rodrigo o ter feito, vou revelar mais um segredo do Imagens de Campanha. A malta troca mails com cartazes de campanhas desse país autárquico, perguntando quem quer analisá-los, ou sugerindo a alguém que se “chegue à frente” e analise determinada campanha.

Foi o caso deste cartaz. Um dos autores enviou um mail “para a geral” mas a perguntar-me se estava interessado em analisar o cartaz em anexo. Eu, armado em solícito, disse que sim. Antes de ver o cartaz. Depois de o ver, devolvi o mail dizendo “eu faço, mas desculpa (sim, tratamo-nos por tu…) a ignorância autárquica, este cartaz é para se candidatar a que município?”.

Eu sei que uma campanha autárquica é para ser feita no município para o qual se concorre. E que, como tal, os munícipes sabem que aquele candidato está na corrida para presidente da Câmara Municipal do concelho. Ou seja, o público-alvo destas campanhas não tem as dúvidas que eu tive.

Mas daí a fazer uma cartaz de candidatura a uma Câmara Municipal sem dizer ao que se vai? Nem uma palavrinha para a terra? É inovador (ou talvez não) mas parece-me excessivamente egocêntrico (nome e cara em GRANDE destaque) e pouco simpático para os munícipes.

Em termos gráficos é um cartaz simples, a branco, onde o destaque se dá ao slogan e à foto. Eu não sou tão contra as “cabeças cortadas” como o Rodrigo. Mas neste caso, tendo em conta o que escrevi acima, parece-me que é uma manifestação do exercício de ego. “As pessoas contam…”? Pelos vistos sim. Umas mais que as outras e, de certeza, mais que o concelho…

Uma pequena nota: De todas os cartazes de 2013 analisados aqui no Imagens de Campanha apenas em três campanhas (contando com esta) não têm referência ao nome da terra. Curiosamente são as três do Partido Socialista. Será uma tendência de comunicação política? (E sim, fui ver todas, antes de escrever isto)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:04



Imagens de campanha

Compilação e análise de imagens das Campanhas Portuguesas (e não só). Cartazes, folhetos e materiais digitais (e outros). O melhor e o pior. Os verdadeiros e não só.

e em 2009 foi assim


Envio de contributos

imagensdecampanha@sapo.pt






Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Visitas