Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Sobral de Monte Agraço :: PS e PSD

análise de Telmo Carrapa, em 26.06.13
 

Candidatos jovens – imagens dinâmicas?

 

Pedro Coelho dos Santos é um profissional da área da comunicação. Não é um mero elogio. É mesmo a realidade: Ele trabalha na área da comunicação. E isso reflecte-se na campanha que está a fazer enquanto candidato à presidência da câmara municipal de Sobral de Monte Agraço.

Pedro Coelho dos Santos é um candidato jovem. E isso também se reflecte na campanha. As várias peças que recebemos dão para entender a abordagem nova, fresca, mas planeada e cuidada que o PS apresenta para este município.

Destas peças, basta olhar para o cartaz (que sabemos peça única e especialmente colocado na melhor entrada para Sobral) para se perceber que esta é uma campanha com vontade de marcar a diferença.


Ver este outdoor dá vontade de adulterar a letra da canção do Gilberto Gil e cantar qualquer coisa como:

«Alô, alô, Eleitores

Aquele “Agraço!”»

(Sim, é foleiro. Mas também não estou a criar campanhas…)

O candidato aparece numa foto que transmite uma enorme empatia e simpatia, acolhendo quem chega ao concelho de braços abertos, deixando a mão direita a apontar para Sobral. A imagem é forte e as cores escolhidas podem não agradar a todos mas certo é que ninguém passa sem ver o cartaz.

E depois há a assinatura de campanha: “Consigo pelo Sobral”. Envolve. Reforça a empatia. Mas ao mesmo tempo respeita as gerações que se tratam por você. É uma boa assinatura que permite derivações para projectos concretos que se apresentem durante a campanha.

Não vai ser uma tarefa fácil. O PS foi, em 2009, a terceira força política do concelho, com 17,61% dos votos (atrás do PSD – 23,95% e da CDU – 54,33%). Mas a avaliar pela dinâmica da comunicação, acredito que o PS possa subir (quem sabe se muito) a sua votação neste município.

 

Joaquim Biancard Cruz também é um candidato jovem. Mas apenas na idade. É que, convenhamos, isso não se reflecte minimamente na sua campanha para a câmara municipal de Sobral de Monte Agraço (uma candidatura do PSD só se sabe porque sim, já que identificação é zero).

“Sobral avança” é mais uma daquelas frases feitas eleitorais que nada diz. Aliás, faz lembrar aquela história do “estava à beira do abismo” e agora “avança”…

E depois há o grafismo. A utilização das “ondas” era moda em 2002. Aguentou-se até 2004. Mas em 2013? O objectivo é dar dinamismo à imagem? Pois, desculpem lá (sobretudo o designer responsável) mas a única coisa que faz é datar o cartaz e nem sequer é de forma vintage ou nostálgica (como está na moda). Dá mesmo ar de velho, contrapondo com a juventude do candidato. Nesse aspecto a imagem é coadjuvada pela foto do candidato. Jovem mas que se deixa fotografar daquela forma…

Respondendo à questão do subtítulo (candidatos jovens – imagens dinâmicas?): Sim e não. Como se pode ver em Sobral de Monte Agraço.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:10



Imagens de campanha

Compilação e análise de imagens das Campanhas Portuguesas (e não só). Cartazes, folhetos e materiais digitais (e outros). O melhor e o pior. Os verdadeiros e não só.

e em 2009 foi assim


Envio de contributos

imagensdecampanha@sapo.pt






Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Visitas