Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Loures :: PS

análise de Rodrigo Saraiva, em 27.05.13
Loures vai receber um embate muito interessante e que talvez venha a receber a atenção dos media.

O actual presidente, Carlos Teixeira, do Partido Socialista não se pode recandidatar e o PS volta a apostar na fórmula que lhe deu a conquista da autarquia, apresentando como candidato o Presidente da Junta de Freguesia de Loures, João Nunes, que curiosamente e salvo erro, sucedeu a Carlos Teixeira na Junta.

 

O PCP faz uma aposta forte, numa tentativa de reconquistar uma autarquia que já foi um seu bastião, apresentando um dos seus principais rostos, o líder parlamentar Bernardino Soares, e o PSD faz uma aposta arrojada e apresenta um dos autarcas mais carismáticos, Fernando Costa, que não se pode recandidatar nas Caldas da Rainha. Ingredientes com potencial mediático, um palco que todos os candidatos desejam, mas com a dificuldade de este ter que ser nos media nacionais pois em Loures são praticamente inexistentes, ou até nulos, os media locais.

A somar a isto está o facto de o candidato do PSD já ter assumido que não irá ter outdoors, fazendo disso um facto político, não deixando de ser uma acusação quase directa ao candidato do PS que foi o primeiro a abrir as hostilidades, marcando forte presença em todo o concelho com o seu primeiro outdoor.

 

João Nunes tem que se dar a conhecer e o seu primeiro cartaz, quer pelo conteúdo como pela distribuição geográfica, cumpre pragmaticamente esse objectivo. Um cartaz simples, com 4 ingredientes básicos: 1- a imagem do candidato, na tradicional posição de braços cruzados e surgindo sem gravata e mangas arregaçadas, visando demonstrar como um autarca de proximidade e fazedor; 2 – o slogan, pouco original, banal, mas que não compromete; 3- o nome do candidato (sem necessidade de reforçar que é candidato. Isto é só um teaser para uma próxima análise a um candidato no norte do país). 4- o logótipo do Partido.

A escolha do verde está bem conseguida. Desnecessários aqueles apontamentos de várias cores antes do nome. E passa quase despercebido como “padrão de fundo” a imagem icónica de município.

O PS começou com força. Um cartaz eficaz para o objectivo e reforçado pela forte presença no terreno do mesmo.

 

 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:14


Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Imagens de campanha

Compilação e análise de imagens das Campanhas Portuguesas (e não só). Cartazes, folhetos e materiais digitais (e outros). O melhor e o pior. Os verdadeiros e não só.

e em 2009 foi assim


Envio de contributos

imagensdecampanha@sapo.pt






Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Visitas


subscrever feeds