Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Almada

análise de Nuno Gouveia, em 08.10.09

Paulo Pedroso é um dos candidatos mais mediáticos destas autárquicas, pretendendo vencer no tradicional bastião comunista de Almada.

 

Para explicar a campanha, acompanhada de imagens, fica a exposição de Vasco Mendonça, responsável pela direcção criativa da campanha, a quem agradecemos as explicações pormenorizadas que nos enviou. 

 



A assinatura e conceito "O Futuro 35 Anos Depois" procurou ser, desde o início da pré-campanha, em Abril de 2009, um apelo à devida reflexão em torno dos mandatos sucessivos CDU num concelho que é hoje um dos maiores do país. 

 

 


O último outdoor, é um apelo emocional ao voto que regressa ao outdoor inicial para, com base na assinatura da campanha, materializar um último apelo ao voto.

 



Almada é um conhecido bastião comunista e a própria oposição em Almada reflectiu isso ao longo das últimas décadas. Candidatos menores do PS, uma oposição ténue do BE, a quase inexistência do PSD em período de campanha, tudo isto esteve na origem de uma campanha do PS, mais concretamente do dr. Paulo Pedroso, que procurou impor uma presença forte no espaço urbano - são exemplo disso as empenas - com uma mensagem apostada em identificar os problemas e comunicá-los como fruto de adiamentos sucessivos e inacção - algo que se vem arrastando desde há vários mandatos. 

 


 

 

Num dos casos, a empena da Praça Gil Vicente, utilizámos o mote da campanha da C.M. Almada "Terra Pensada. Terra Amada." para destacar um dos mais recentes erros da gestão CDU, nomeadamente o fecho do trânsito em artérias centrais à vida da cidade, com consequências muito negativas para o comércio local.



A segunda fase da campanha, assente em outdoors cujo headline era "É Almada que está em jogo", procurou enfatizar a importância de se discutir programas eleitorais e propostas do candidato. O rosto do candidato vê-se complementado pela ideia, no caso uma linha de vida metaforicamente percorrida pelo metropolitano, bem representativa da questão mais fracturante da vida do concelho.



 

A 3ª fase da campanha centrou-se nas propostas para Almada, identificando 4 orientações/medidas concretas extraídas do Programa Eleitoral procurando traduzir a abstracção do futuro enquanto mensagem política, e assim responder a um cinismo adivinhável no eleitorado.


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:02


já andam a falar aqui

De J. Santos a 08.10.2009 às 14:51

Comparem este simbolo com o da campanha de Obama...

Comentar post



Imagens de campanha

Compilação e análise de imagens das Campanhas Portuguesas (e não só). Cartazes, folhetos e materiais digitais (e outros). O melhor e o pior. Os verdadeiros e não só.

e em 2009 foi assim


Envio de contributos

imagensdecampanha@sapo.pt






Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Visitas